O tempo e o trigo

O tempo e o trigo…

Tempo que se fez alento nos braços de uma mãe…

Tempo que escolheu por mérito fazer-te enfim um bom pai.

Tempo que alcançou os olhos maternos e entrou na alma pura que em paz se vai…

E segue os caminhos do tempo em uma plena e infinita consolação de ternura. Tempo que nasce, anda em passos lentos, mas sempre sabe aonde vai…

Tempo que eterniza esse querer, deseja vê-lo nascer, e se comove por ainda não ver…

Tempo que se encarrega de serem pais, que ganha a graça de ser o filho, e sente atraído pela vida que respira o ar dela… Tempo que semeia em seu ventre o trigo limpo, dourado, e desnudo… como os trigos colhidos em outros campos mas que brota á cada dia…

Tempo que saúda a noite e venera o dia… Espelha-se na verdade em tê-lo, se enche de amor… e abre os olhos, para não mais um sonho, e sim o ventre que cresce, e se ilumina…

Beijos e abraços á Marcos Wills, sua amada ninfa, e ao querido esperado e amado por todos nós… Bruxas.

Que assim seja assim será…

Banho de Luz e Espanto Pimenta…

Autora: A.C.Kiss

::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Da série: palavras emprestadas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: