Tu és…


Meu doce italianinho (meu leozinho) me disse:

Você foi a melhor coisa que me aconteceu

Digo eu a ele:
Você é o melhor doce que experimentei,
É como o mel, néctar extraído das flores,

Você é minha pelúcia mais querida,
Que afago, que me aconchega;

Você é meu Dom Quixote,
Sou eu sua Dulcinéia;

Você é meu Zeus,
Sou eu sua Hera;

Sou como Cronos,
Quero te devorar por inteiro;

É você meu Posseidon,
Sou eu a onda que acaricia a terra;

É você meu estandarte,
Sou e a bandeira nele hasteada,

É você a sinfonia,
Sou eu o melhor acorde de instrumento refinado;

É você o pão,
Sou eu a geléia que lhe adoça a existência;

É você o soberano,
Na terra desta rainha,

É você o orvalho noturno,
Sou eu a folha que ao cair, acaricia;

Se as semanas lhe são penosas,
Torno e tornarei o fim delas sempre prazeiroso;

Quero tornar teus dias felizes,
Teus pesos menos insuportáveis,
Tua vida mais feliz,
Teus caminhos mais suaves,

Já estou com saudades…!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: